Debate A Emergência dos Fluxos Migratórios

Com o título Os Limites da Escolha – A Emergência dos Fluxos Migratórios Mistos no Contexto Latino-americano, o curso de Relações Internacionais promove, em parceria com a organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras, debate sobre a temática no dia 9 de agosto, às 17h, no auditório Liberdade. Participarão da mesa, os professores Duval Fernandes, do Programa de Pós-graduação em Geografia – Tratamento da Informação Espacial, da PUC Minas; Dimitri Fazito, professor adjunto do Departamento de Sociologia da UFMG; Gisela Zapata, professora adjunta do Departamento de Demografia da UFMG; e Juliana Rocha, assessora jurídica do Serviço Jesuíta a Migrantes e Refugiados e professora da Pós-graduação em Cidadania e Direitos Humanos, da PUC Minas.


Nas últimas décadas, venezuelanos, colombianos, haitianos, hondurenhos e outros latino-americanos vêm emigrando por situações diversas de instabilidade, que por vezes têm raízes econômicas, climáticas e políticas profundamente imbricadas. O objetivo do debate é discutir o panorama atual da mobilidade humana na América Latina, sob uma perspectiva Sul-Sul, e as dificuldades crescentes em discernir as migrações forçadas daquelas tradicionalmente chamadas “voluntárias”. Nesse sentido, pretende-se debater quais os desafios que os fluxos mistos nos colocam e de que forma nossos países vem adaptando seus mecanismos de proteção para essas novas categorias de deslocados. 


Outras informações: conexoes.msf.org.br.