Encontre seu curso

Tipo de Curso

Localização

Curso

Turno

Graduação - Tecnológica

Coração Eucarístico

Tecnologia em Comunicação Assistiva

O Curso

Na atualidade, as legislações vigentes exigem das instituições um profissional que garanta atendimento à pessoa surda, à pessoa cega e à pessoa surdocega, respeitando seus direitos de cidadão e rompendo as barreiras comunicativas de acesso a informações. Por isso, o objetivo do curso é formar agentes de inclusão social, para inserção imediata no mercado de trabalho. São duas Certificações: Módulo 1 (1º/4º período), como Braillista; Módulo 2 (1º/5º período), como Intérprete de LIBRAS e Guia Intérprete.

O que você irá estudar

Disciplinas relacionadas à língua portuguesa e linguística, leitura e produção de textos, semântica e semiótica no processo comunicativo e morfossintaxe; filosofia e cultura religiosa; pesquisa científica nos projetos de formação tecnológica. Nas áreas específicas as disciplinas se relacionam aos estudos de tradução e de interpretação LP/LIBRAS/LP, linguística da LIBRAS e conversação; fundamentos da educação das pessoas surdas, pessoas cegas e pessoas surdocegas, identidade e cultura, e linguagem corporal; sistema Braille, a leitura, a escrita e o cálculo nesse sistema, normas técnicas para produção, adaptação e transcrição de materiais em Braille, além de introdução à audiodescrição e surdocegueira.

O Laboratório de Tecnologias Assistivas é voltado para estudo das ajudas técnicas inclusivas e atividades práticas. Nos grupos de pesquisa, as reflexões têm como foco a LIBRAS e o Sistema Braille e as relações com outras línguas, cujos resultados são compartilhados em seminários que ocorrem em todos os semestres.

Áreas de atuação

O tecnólogo em Comunicação Assistiva atua como Intérprete de LIBRAS na tradução e interpretação do par linguístico LP/LIBRAS/LP; como Braillista na transcrição/adaptação de materiais para o Braille; e como Guia Intérprete, na orientação e mobilidade, e na mediação comunicativa. Poderá exercer suas atividades em diversos setores da sociedade comprometidos com a inclusão social, como escolas, instituições públicas e privadas, empresas, hospitais, agências de turismo, congressos, emissoras de TV entre outros.

TurnosPeríodos
TARDE5

Colegiado

  • Paula Branco Morais (Coordenador)
  • Cristiano Garotti da Silva
  • Maria Aparecida da Mata

Grade curricular

TARDE

1° período

Formação: Brailista

2° período

Formação: Brailista

3° período

Formação: Brailista

4° período

Formação: Brailista

5° período

Formação: Tecnólogo

Corpo Docente

Instituições da Arquidiocese de Belo Horizonte



A Sociedade Mineira de Cultura é uma entidade beneficente da área de educação, portadora do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social - CEBAS-Educação.