Universidade recebe patriarca da Igreja Católica Siríaca

Na próxima terça-feira, 1º de novembro, o patriarca siríaco de Antioquia, líder da Igreja Católica Siríaca, Inácio José Terceiro Younan, terá um encontro com alunos e professores do Campus Coração Eucarístico, às 10h, no Teatro João Paulo II (prédio 30). Na ocasião, ele falará sobre a situação dos refugiados, a partir da realidade da Síria e de outros países, e a atual crise humanitária gerada por essas questões. Haverá tradução simultânea. O evento é promovido pela PUC Minas, por meio do Instituto de Filosofia e Teologia Dom João Resende Costa, e pela Arquidiocese de Belo Horizonte.

O encontro contará com a presença do arcebispo metropolitano de Belo Horizonte e grão-chanceler da PUC Minas, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, do reitor da Universidade e bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães, e do arcebispo de Homs, na Síria, Philippe Barakat.

Younan foi eleito patriarca em 20 de janeiro de 2009. A Igreja Católica Siríaca, sediada em Beirute (Líbano), é uma instituição católica oriental sui juris, ou seja, particular autônoma, em comunhão com a Igreja Católica. A comunhão formal e definitiva com a Santa Sé ocorreu em 1781, quando ela separou-se definitivamente da Igreja Ortodoxa Siríaca. O seu rito litúrgico pertence à tradição siríaca de Antioquia, cidade antiga erguida na margem esquerda do rio Orientes – é a moderna Antáquia, na Turquia, e utiliza o siríaco (dialeto do aramaico médio), o árabe, o aramaico, o inglês e o francês como línguas litúrgicas. Atualmente essa igreja conta com cerca de 130 mil católicos