Logon

 12/04/2024 11:00

A PUC Minas teve três projetos aprovados no Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde (PET-Saúde: Equidade), edição 2024/2026. O resultado da seleção foi publicado pelo Ministério da Saúde, por meio da Portaria nº 12, de 1º de abril de 2024.

Em Belo Horizonte, o projeto Acolhimento e valorização das trabalhadoras e futuras trabalhadoras no âmbito do SUS/BH: potencializando equidades, do Campus Coração Eucarístico e Unidades Barreiro e Praça da Liberdade, envolverá a participação dos cursos de Enfermagem, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Odontologia, Direito e Serviço Social, que trabalharão em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) sobre temas como gênero, identidade, sexualidade, perspectiva de raça e etnia, saúde mental, processos de maternagem, entre outros.

Na PUC Minas Betim, alunos e professores dos cursos de Direito, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina e Psicologia desenvolverão o projeto De mãos dadas: PUC Minas e SUS Betim para ações de cidadania no trabalho. Nesta edição, o Campus produzirá pesquisas e ações sobre a prevenção da violência no SUS Betim, PATHOS – Programa de acolhimento à trabalhadora hospitalar; SER Agente; e Entendendo e vivendo o climatério: promoção do cuidado integral à mulher trabalhadora no climatério.

Já na PUC Minas Poços de Caldas, o projeto aprovado Promovendo Saúde e Equidade: Uma Análise Integral do Bem-Estar das Trabalhadoras, Trabalhadores e Futuros Profissionais no SUS contará com a colaboração dos cursos de Biomedicina, Enfermagem, Direito, Fisioterapia, Medicina, Psicologia e Odontologia, que atuarão em três eixos de pesquisa sobre a valorização das trabalhadoras e futuras trabalhadoras no âmbito do SUS; Sexualidade, Raça, Etnia, Deficiências e as interseccionalidades no trabalho na saúde, entre outros.

A Universidade dará início às atividades da 11ª edição do PET-Saúde, que acontece em parceira com as Secretarias Municipais de Saúde de Belo Horizonte, Betim e Poços de Caldas, no mês de maio.

O PET-Saúde é uma ação do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação que visa aproximar os estudantes da área da saúde da realidade do Sistema Único de Saúde (SUS). Conduzido pela Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), o programa oferta bolsas para docentes, profissionais e estudantes de graduação da área da saúde, com o objetivo de estimular práticas de ensino-aprendizagem, conforme as necessidades do SUS de cada município, para promover a integração entre ensino, serviço e comunidade.


Leia também