Logon

28/06/2022 16:00

A professora Flaviane de Magalhães Barros Bolzan de Morais, do Programa de Pós-graduação em Direito e da Faculdade Mineira de Direito, ocupa a função de primeira vice-presidente da Comissão responsável pela elaboração do Plano Nacional de Pós-graduação (PNPG), relativo ao decênio 2021-2030, instituída pela presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) através da portaria nº 113, de 24 de junho de 2022, com vigência a partir de 1º de julho.

O PNPG tem por objetivo definir novas diretrizes, estratégias e metas para o Sistema Nacional de Avaliação. A Comissão é transversal, composta por pessoas de diversas áreas do conhecimento e segmentos, universidades públicas e privadas e diversas regiões do país. "Por essas características e pelo papel de estabelecer metas e avaliar os avanços, a Comissão desempenha um papel norteador para a pesquisa e a pós-graduação", explica o pró-reitor de Pesquisa e de Pós-graduação da PUC Minas, o professor Sérgio de Morais Hanriot.

A professora Flaviane explica que a Comissão tem o importante papel de formar pontes entre a comunidade científica e as instâncias da Capes. "A Comissão pode sugerir aprimoramentos para o sistema de avaliação e de fomento da pós-graduação brasileira", pontua.


Leia também