Reitor

 

Prof. Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães

Mineiro de Ponte Nova, o reitor da PUC Minas, professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães, é bispo auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte. Formado em Filosofia e Teologia, tem mestrado pelo Centro de Estudos Superiores dos Jesuítas. Possui longa prática de magistério no ensino superior - graduação e pós-graduação . É membro da Sociedade de Teologia e Cientistas da Religião do Brasil. 

Foi nomeado pelo Papa Francisco membro do Pontifício Conselho para a Cultura. Presidiu, de 2011 a 2015, a Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), onde também está à frente da Comissão para Acompanhamento da Reforma Política. É Vigário Episcopal para a Comunicação e Cultura da Arquidiocese de Belo Horizonte. É membro fundador da revista Horizonte de Ciências da Religião. É também membro dos Conselhos Curadores da Fundação Mariana Resende Costa e da Fundação João Paulo II. Foi presidente do Conselho Superior da Associação Nacional de Educação Católica (Anec)  e assessor da CNBB Nacional e do Regional Leste II na dimensão Bíblico-Catequética. 

Participa da Sociedade Mineira de Cultura, mantenedora da PUC Minas, do Centro Superior de Juiz de Fora, da Faculdade Católica de Uberlândia e dos Colégios Santa Maria.



Mensagem do Reitor

 

Todo ato de educação deve ser um ato de transformação, de mudança e promoção do ser humano e, por isso mesmo, um ato de amor. Esse desafio tem guiado a Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, a nossa PUC Minas, nestes quase 60 anos dedicados à formação superior. É um desafio pelo fato de a natureza confessional desta Universidade colocar, para todos que aqui estamos envolvidos com a construção do saber, o imperativo de associarmos uma exigida e atualizada formação técnica e profissionalizante ao compromisso com a formação humana e filosófica que deve contribuir para uma sociedade mais justa e fraterna.

Numa Universidade Católica, os ideais e os princípios cristãos devem inspirar as atividades acadêmicas como um todo, com forte empenho institucional no serviço à família humana. A busca do conhecimento novo, que tenha como compromisso principal a prevalência do bem e o privilégio aos debates – em sua forma, processos e conteúdos – que efetivamente sejam substância para o desenvolvimento científico, cultural e econômico de toda a sociedade e que também alimente, em todos, o despertar para uma comunidade mais tolerante e fraterna. Tudo isso está na essência da PUC Minas.

Reconhecida, seja por indicadores privados ou por órgãos oficiais de regulação da educação superior, pela qualidade resultante da permanente busca da excelência em nossas atividades de ensino, pesquisa e extensão, a Universidade se diferencia em vários aspectos da sua admirável trajetória, idealizada por Dom Antônio dos Santos Cabral:  a opção pela horizontalização do acesso ao ensino superior, privilegiando os mais humildes; o investimento em cursos de pós-graduação de qualificação de docentes desde a década de 1970, além do incentivo às licenciaturas;  o compromisso com as políticas públicas de inclusão, seja através das iniciativas de apoio às pessoas com deficiência, seja pelos amplos números da Instituição no que diz respeito ao Programa Universidade para Todos, o Prouni, além de diversos outros tipos de bolsas de estudo, que alcançam mais de 17 mil estudantes; e  a oferta simultânea de mais de uma centena de cursos de graduação.

A marca de mais de 3.500 mestres e doutores já formados em nossos 16 Programas de Pós-graduação atesta a eficiência e arrojo da pesquisa na PUC Minas. São Programas que têm reconhecimento nacional e internacional pela seriedade, profundidade de suas reflexões e ineditismo de suas frentes de investigação.

Seguindo os fundamentos de nossa missão, a Universidade continua construindo sua história pautada pela qualidade e pela responsabilidade a serviço da coletividade, sem fechar os olhos para as profundas desigualdades sociais de nosso país.

. ​

Instituições da Arquidiocese de Belo Horizonte



A Sociedade Mineira de Cultura é uma entidade beneficente da área de educação, portadora do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social - CEBAS-Educação.